sexta-feira , 5 junho 2020

Lajedo-PE: Homem é preso acusado de se masturbar na frente das filhas

Um caso chocante foi registrado na tarde desta quarta-feira (04), no município de Lajedo, no Agreste de Pernambuco. Um homem de 45 anos de idade foi detido acusado de se masturbar na frente das próprias filhas, na Zona Rural do município.

O crime chegou ao conhecimento da Polícia Civil através das próprias filhas do suspeito, que compareceram à delegacia acompanhadas da mãe. As jovens relataram que os casos já aconteciam há algum tempo. Além da oportunação sexual, casos de violência doméstica também foram relatados.

De imediato, o delegado Paulo Bicalho acionou a Polícia Militar e foi montada uma operação com duas equipes, sendo uma direcionada ao local de trabalho do acusado e a outra em direção à sua residência.

O homem foi detido no trabalho e, em sua residência, foram encontradas duas espingardas, sendo uma calibre 12 e a outra calibre 20, além de várias munições.

O suspeito foi levado e permanece à disposição da justiça. O mesmo passará por audiência de custódia nesta quinta-feira (05).

TV Replay, informações é aqui!

Veja Também

Prefeito de Agrestina diz que vai recorrer de decisão do TRE

Nota à imprensa A Assessoria Jurídica do prefeito Thiago Nunes, vem esclarecer que na tarde …

TRE cassa prefeito e vice de Agrestina por abuso de poder econômico

Foto: Internet O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco acaba de cassar os mandatos do prefeito …

Canhotinho-PE: Município registra mais 7 casos do coronavírus e investiga 25

O município de Canhotinho, no Agreste de Pernambuco, divulgou o boletim informativo desta quinta-feira (04), …

Idosa procura por familiares em Caetés e Garanhuns – Seus irmãos são das famílias Vicente Ferreira, Tenório de Lima e Paiva Ivo

A Senhora Francisca Sebastiana Ferreira, entrou em contato com a nossa equipe, através da sua …

PREFEITURA DE CACHOEIRINHA INTENSIFICA RECUPERAÇÃO DE ESTRADAS RURAIS

A Prefeitura de Cachoeirinha, por meio da Secretaria de Transportes, está dando sequência às obras …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *